Logo.png

               Obaluaê

Salve o Rei e Senhor da terra

     Desde o início da colonização do nosso Brasil, os Orixás Africanos sofreram um sincretismo com os santos católicos. Este sincretismo existe até hoje e  possui algumas variações, inclusive regionais.

     No dia 16 de agosto é comemorado pela comunidade católica o dia de São Roque, que é considerado padroeiro dos inválidos e cirurgiões, além de ser o protetor contra a peste e demais epidemias.

      Em algumas casas, São Roque é sincretizado a Obaluaê e Omulú. Já em outras casas esta associação é feita a são Lázaro que é comemorado no dia 17 de dezembro e é o padroeiro dos cães e dos leprosos. Estes santos são representados em suas imagens com feridas no corpo, que nos remete às pestes, doenças e morte.

      Em nossa casa Obaluaê e Ormulu são nomes do mesmo Orixá. Mas utilizamos mais o nome Obaluaê.

        Obaluaê ou Omolu (Oba (rei) – Oluwô (senhor)– Ayiê (terra): “Rei, senhor da Terra”. Omulu Omo (filho) – Oluwô (senhor): “Filho e Senhor”. Obaluaê, o mais moço, Omulu o mais velho. Ambos são considerados a mesma força da natureza.

        Obaluaê é um Orixá muito respeitado pelos Umbandistas pelo seu poder de cura física, espiritual e mental, Ele é o Senhor da Terra, inclusive das camadas inferiores, daí sua a ligação com os mortos, pois ele, através da terra, vai receber o corpo sem vida. Ele vem buscar e encaminhar o espírito desencarnado.

         Este Orixá utiliza uma vestimenta feita da Palha da Costa que é um elemento ritualístico, muito utilizado em ritos ligados à morte.

      Esta vestimenta cobre os mistérios aos quais este Orixá está ligado, à morte e ao renascimento. Dizem também que Ele se utiliza desta vestimenta para que os humanos não possam ver o seu rosto, em respeito a este poderoso Orixá.

         Obaluaê está ligado à saúde e ao funcionamento do organismo. É comum nos centros se realizar a limpeza através da pipoca (Deburu) alimento ligado a este Orixá.

          Uma curiosidade da pipoca: “A pipoca possui um nível muito alto de polifenóis (substâncias que agem como antioxidantes naturais).

Possui em sua composição apenas 4% de água, diferente de frutas e verduras (também presentes em ebós e oferendas) que possuem 90% de água. Esse fato contribui muito para a remoção e absorção de células mortas”.

      Sua saudação é Atotô Obaluaê! Que quer dizer: “Salve o Rei e Senhor da terra”.

          Que Obaluaê nos limpe das doenças e dos males espirituais.

Obaluayê.jpg